Última atualização em

Desde os tempos em que o celular começou a se popularizar, um dos problemas mais recorrentes é a bateria viciada. Isso significa que o desempenho da bateria cai de forma drástica, fazendo com que o aparelho desligue rapidamente e o usuário não consiga utilizá-lo por muito tempo.

Embora tal situação fosse característica em celulares de tecnologia analógica, que utilizavam baterias de níquel — e tiveram seu fim decretado em 2017 —, atualmente ainda ouvimos falar dos “vícios em smartphones”.

Apesar de o problema persistir, salientamos que ele não está mais ligado ao tipo de bateria utilizada, já que as de lítio — usadas nos smartphones e notebooks atualmente — não causam essa complicação. O que atrapalha o bom funcionamento da bateria, refletindo diretamente no seu tempo de vida útil, é o modo como usamos os aparelhos de celular.

Para ajudar você a descobrir o que fazer com a bateria do celular viciada, apresentaremos, neste artigo, os meios para recuperá-la. Vamos começar?

Como identificar o problema?

Antes de saber se a bateria está viciada, é importante que você se atente a alguns aspectos para identificar outras anormalidades. Assim, além do rápido descarregamento, verifique se o celular está aquecendo demais, se apresenta ruídos mesmo quando não está em uso e, ainda, se a bateria está estufada. Nesse caso, pode ser necessário substituí-la por uma nova.

Como recuperar a bateria do celular viciada?

Caso tenha identificado que a bateria do seu celular está mesmo durando muito pouco, saiba que pode existir uma solução para melhorar seu desempenho. Uma das técnicas é garantir o carregamento completo.

O primeiro passo é desligar o aparelho para iniciar um carregamento. Mantenha o carregador na tomada até que o celular fique com 100% de carga. Feito isso, com o aparelho ainda desligado, aguarde por 1 minuto e reconecte-o à tomada, verificando se a carga caiu durante o período. Se ela estiver abaixo de 100%, é um indício de que a bateria não estava calibrada.

Repita o processo até que o seu celular mantenha 100% de carga após um tempo desconectado. Quando isso acontecer, a bateria não estará mais descalibrada e apresentará melhoria na durabilidade. Se não houver melhora significativa, é sinal que o problema é realmente esgotamento das células da bateria, necessitando uma substituição.

Como evitar que o problema volte a acontecer?

Vale destacar a importância de usar um carregador original, não apenas no processo de recuperação da bateria, mas em todo o ciclo de uso do aparelho. Isso porque os carregadores alternativos, que costumam prometer uma performance elevada (o carregamento “turbinado”), nunca serão mais apropriados do que o carregador de fábrica que já vem com o produto.

Por fim, após fazer o procedimento, você pode testar a bateria por meio de aplicativos específicos, como o Repair Battery Life. Ele fará uma análise do estado da bateria e apresentará um diagnóstico dos pontos defeituosos que podem ser corrigidos pelo próprio aplicativo.

Esperamos que o artigo tenha ajudado a identificar o problema da bateria do celular viciada, a solucioná-lo e a evitar que ele volte a acontecer.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre esse assunto, não perca tempo e assine a nossa newsletter para receber em primeira mão mais conteúdos como esse!